Redes Social

Análise crítico-poética das letras de dois clássicos da música popular vitoriense.






Primeira sinfonia:

O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! Eu Voto Eu Voto Eu Voto... O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! Eu Voto Eu Voto Eu Voto... O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! Eu Voto Eu Voto Eu Voto... O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! Eu Voto Eu Voto Eu Voto... O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! Eu Voto Eu Voto Eu Voto... O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica!O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! Eu Voto Eu Voto Eu Voto... O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 fica! O 40 é que fica! O 40 fica!


Segunda Sinfonia:

É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! E quem não agüentar, pode se mandar... É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25! É 25!


Análise crítico-poética:

Essas duas belas canções expressam nossa condição humana, cultural e político-social, reflexo de bens simbólicos assentados em valores sociais típicos de nosso período colonial. Na perspectiva materialista-histórica de nossa sociedade, vale acrescentar que repetimos o mesmo “sentido histórico caiopradista” que nossa nação sempre perseguiu: xploração das forças produtivas de forma oposta ao auto-desenvolvimento local.
Há uma forma de superar ou amenizar tais conflitos, que empatam nosso crescimento racional-econômico: a proposição de bens simbólicos que equilibrem ou combatam a perpetuação destes conflitos.

Sinfonia da superação dos conflitos históricos vitorienses:

Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco! Vote em Branco!
E quem não quiser votar?
Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo! Vote Nulo!



Autor: Adágio.
Publicado originalmente no Blog Aposente um Vereador Vitoriense.

Blog Deu o Cara em Vitória

6 comentários:

  1. A desse ano deve ser assim: vote 55, vote 55, vote 55, vote no 55!!!!
    \o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/

    ResponderExcluir
  2. volta 40 volta 40 volta 40...........!!!!!

    ResponderExcluir
  3. ARRUMA A MALA AMARELOOOOO
    VOLTA 40 VOLTA 40 VOLTA 40
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  4. Porque que essas pessoas ficam sempre no anonimato em.. Porque não mostram suas caras...


    bando de doentes mentais..... Vivem de idolatrar pessoas que fodem com suas vidas e de seus familiares... Poem um Caraí bem firme e vocês ainda gostam!!!!

    Deuocaraí mesmo.....



    Vitoriense inconformado.. Abraço

    ResponderExcluir
  5. Eu quero 5, quero mais 5, é 55, 55, 55, 55, 55, 55, 55, 55, 55, 55, 55.
    Eu quero 5, quero mais 5, é 55, 55, 55, 55, 55...

    ResponderExcluir
  6. Só da 40! só da 40! só da 40! só da40! só da 40! só da 40! só da 40! Só da 40! só da 40! só da 40! só da40! só da 40! só da 40! só da 40! Só da 40! só da 40! só da 40! só da40! só da 40! só da 40! só da 40!Só da 40! só da 40! só da 40! só da40! só da 40! só da 40! só da 40!Só da 40! só da 40! só da 40! só da40! só da 40! só da 40! só da 40!Só da 40! só da 40! só da 40! só da40! só da 40! só da 40! só da 40

    ResponderExcluir

Opinião é como cheque: todo mundo pode emitir, mas não necessariamente vale alguma coisa. Respeito é bom e todo mundo gosta.

 

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA
Revista Fragmentos

Travessia Mata Centro

Escola Virtual

Ven1

Dieguinho Gravações

Marcelo de Marco

Amor por Clássico