Redes Social

Vitória responde


Outro "anônimo" pergunta: Oi, Vitória, amor, tenho uma pergunta, podes me responder? obrigada pelo sim. Porque no governo anterior o ex-prefeito fazia-se tantas obras, entre as quais: aquisição de lotes para instalação de fábricas, aquisição de prédios para instalações de clínicas, compras de tantas máquinas, carros, viaturas, motos, construção de praças, nossos salários era muito melhor, tantas pessoas trabalhavam, inclusive na própria prefeitura, lá parecia uma festa era os funcionários sorrindo, hoje quando vou a prefeitura dar o meu “prantão” parece uma casa que acabou de sair o defunto. a pergunta, porque naquele período o dinheiro dava para tantas coisa e agora quase não se ver nada de novo, o que foi que houve hein?

Oi, queridinho (a), pelo o que eu entendi de sua pergunta é que, embora o nível de emprego esteja crescendo e os salários aumentando, o que existe a questão de valorização do real, ou seja, mesmo que seu salário aumente se não houver controle de inflação de nada vai adiantar.
Em outras palavras embora seu salário tenha aumentado, junto com isso aumenta o preço das coisas que você compra, ou seja, acaba não dando pra compra do mesmo jeito.
P.S.: Eu poderia falar de qualquer ponto que você mencionou na pergunta, mas seria discussão de um dia inteiro. Mas o mais básico é: Salário alto + Inflação alta = Zero + Inflação alta = (- investimentos).
P.S2.: Nosso município é riquíssimo o que vemos é má aplicação dos recursos.
P.S3.: Não se iluda com investimentos fajutos de uma ou de outra administração municipal, eles não fazem mais do que a obrigação. Portanto cobre deles.
P.S4.: Anime seu ambiente de emprego, vá fantasiado, comemore com os amigos, ponha fogo no circo.

Um comentário:

  1. é verdade, é só perguntar a um motorista efetivo que trabalha no conselho tutelar.

    ResponderExcluir

Opinião é como cheque: todo mundo pode emitir, mas não necessariamente vale alguma coisa. Respeito é bom e todo mundo gosta.

 

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA
Revista Fragmentos

Travessia Mata Centro

Escola Virtual

Ven1

Dieguinho Gravações

Marcelo de Marco

Amor por Clássico