Redes Social

Retrato de um rio que ninguém vê





A história da Vitória de Santo Antão esta intrinsecamente ligada a do rio ITAPACURÁ (TAPACURÁ não existe nos dicionários da língua Tupi-Guarani) e, mesmo assim, Prefeitura - leia-se secretaria de Meio Ambiente - Câmara de Vereadores e a Sociedade, não conseguem enxergar a importância de um rio tão presente na paisagem vitoriense.



Matéria recebida por e-mail
Autor: Melicio Oliveira

Um comentário:

  1. Quando era criança tomei tantos banhos nesse rio, ia comigo alguns meninos sempre maiores do que eu, eu deixava eles fazerem tudo o que queriam comigo, tem horas que fico com tantas saudades daqueles tempo, ai que saudades, uuuiii.

    ResponderExcluir

Opinião é como cheque: todo mundo pode emitir, mas não necessariamente vale alguma coisa. Respeito é bom e todo mundo gosta.

 

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA
Revista Fragmentos

Travessia Mata Centro

Escola Virtual

Ven1

Dieguinho Gravações

Marcelo de Marco

Amor por Clássico