Redes Social

Animais filosofam nas Ruas de Vitória de Santo Antão

Em Vitória de Santo Antão, todos vivem e convivem em plena comunhão; [...]” guiné, galinha, pato e peru. Tem bode, carneiro, porco, Se duvidar... inté cururu.” (*)


Deu o Carai... O Parque Melo Verçosa, que também é um jardim zoológico, situado no Alto do Reservatório, em Vitória de Santo Antão, zona da mata sul de Pernambuco, está passando por algumas mudanças. Entre elas, a o seu novo endereço  que será no Monte das Tabocas.

Para os menos afortunados cognitivamente, um jardim zoológico, também chamado de zoológico ou simplesmente zoo, é um local específico para se manter animais, selvagens e domesticados, que podem ser exibidos ao público. Nele existem profissionais especializados, como veterinários e zootecnistas, que cuidam da alimentação, das jaulas, da saúde mental e física dos animais, entre muitas outras atividades.

No entanto, enquanto a transferência não é realizada, os animais caminham  pelas principais ruas e vielas do município filosofando, sobre as inquietações que afligem a humanidade. São cavalos, porcos, jumentos, vacas, além de bandos de cachorros abandonados que formam grupos em diversas esquinas importantes da cidade.

Esta cena já tornou-se comum e não discrimina, pois está presente em bairros distantes do Centro e até aos mais nobres, a exemplo do Cuscuz que é palco de incontáveis suínos.

Os animais nas ruas de Vitória de Santo Antão,  se tornaram tão comuns que ninguém os percebem... E se percebem, aceitam como membros integrantes da sociedade, cujo desempenham um papel importantíssimo no desenvolvimento local, no qual, os mesmos sendo naturalistas não ligam em fazerem suas necessidades bio-psico-sociais e físicas em qualquer lugar. Ou seja, é mais do que natural encontrar cocô nas ruas e calçadas, contribuindo, desta forma, para a limpeza da cidade, que por sinal é excelente.

Para os menos afortunados cognitivamente, cocô  que também é conhecido por  feze, excremento, merda e bosta, é o material restante após a digestão e absorção dos alimentos pelo tubo digestivo dos animais, expelido pelo ânus (ou cloaca) no ato de defecar. A palavra faeces (em latim) é o plural para o significado de "resíduos". Não existe a forma singular da palavra em português. O odor característico das fezes se deve a ação bacteriana. As bactérias produzem compostos tais como indóis, escatóis e tióis (compostos contendo enxofre), assim como o gás sulfeto de hidrogênio. Estes são os mesmos compostos responsáveis pelo odor da flatulência. O consumo de vários tipos de alimentos pode ser responsável pelo odor das fezes e flatulência. Comidas com certos tipos de condimentos podem modificar os processos digestivos alterando a flora bacteriana e aumentando a possibilidade de maior odor. Existem produtos especiais produzidos com o intuito de reduzir os odores das fezes.

O Blog Deu o Carai em Vitória alerta para que se alguém se deparar com algum animal em seu caminho, que respeite-o  e dê preferência. Caso seja uma pessoa espiritualizada, faça uma oração ao protetor dos animais, São Francisco de Assis.

Informações complementares: Wikipédia, Blog A Voz da Vitória, e Portal Zootecnia Brasil.
Imagens: Blog A Voz da Vitória
(*) Trecho da música "A feira de Caruaru" - Luiz Gonzaga

6 comentários:

  1. O zoológico Melo Verçosa não irá para o Monte das Tabocas, vai, ou quer dizer, já está nas ruas de Vitória de Santo Antão(cidade acabarezada).

    ResponderExcluir
  2. rss

    Tem uma familia de porcos por aqui por perto da ponte do Ptrobrás, que já devria ter sido reconhecida como familia patrimonial do povo da Vitória.

    (Marluce)

    ResponderExcluir
  3. ih verdade u.u aki o q tbm o q nao falta eh bicho andando pelas ruas u.u porcos de tdo q eh cor u.u
    seguindo o blog... segue ae tbm
    www.wikeanime.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. O zoológico Melo Verçosa não irá para o Monte das Tabocas, vai, ou quer dizer, já está nas ruas de Vitória de Santo Antão(cidade acabarezada). [2]

    ResponderExcluir
  5. Ontem pela manhã, me deparei com esses conterâneos ao lado do colégio 03 de agosto.

    ResponderExcluir
  6. Quando eu saio nas ruas e não vejo um animal solto, fico ate preocupado... rs
    Já me costumei com as cenas de porcos organizando o lixo!

    (Jeronimo)

    ResponderExcluir

Opinião é como cheque: todo mundo pode emitir, mas não necessariamente vale alguma coisa. Respeito é bom e todo mundo gosta.

 

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA

OUTROS BLOG'S DE VITÓRIA
Revista Fragmentos

Travessia Mata Centro

Escola Virtual

Ven1

Dieguinho Gravações

Marcelo de Marco

Amor por Clássico